Como se prevenir das varizes durante a gravidez

As varizes, tanto pela questão estética, como por apresentar sintomas que acabam interferindo na qualidade de vida das pessoas, merecem muita atenção, e durante a gravidez, fase em que o problema costuma surgir ou se agravar, os cuidados devem ser redobrados.

De acordo com o Ministério da Saúde, a gravidez é um dos fatores que mais favorece o surgimento de varizes, assim como a hereditariedade, o sobrepeso e o tabagismo.

Durante a gravidez as mulheres recebem uma profusão de hormônios, além do aumento de peso e da prisão de ventre, tão comuns nesse período.

É preciso entender que as veias se tornam varicosas quando a circulação venosa não consegue funcionar da forma correta, geralmente, por causa de problemas com as válvulas responsáveis por bombear o sangue das pernas de volta para o coração.

O resultado desse mal funcionamento são veias dilatadas e tortuosas que, em algumas pessoas, podem provocar um grande desconforto, queimação e até dor.

Mas, a boa notícia é que é possível, sim, as futuras mamães se prevenirem do problema de varizes. Continue lendo.

Como as grávidas podem se prevenir das varizes

As futuras mamães não precisam se preocupar, além do que é preciso, pois é possível se precaver de varizes com alguns cuidados básicos, tais como, por exemplo, evitar ganhar muito peso durante a gestação, praticar atividades físicas regularmente, e compatível com o estado da gravidez, contar com um acompanhamento médico, de um angiologista ou cirurgião vascular, e além dessa medidas, apostar nas meias de compressão.

Infelizmente, as varizes podem, sim, aumentar durante a gravidez, e isso devido à profusão de hormônio e suas alterações, que ocorrem neste período, as quais agem de forma direta e indireta nas veias, podendo provocar deformidades, por isto uma boa pedida é usar varizero creme diariamente, por ser natural ele não faz mal para saúde do bebê.

Outro fator que facilita o desenvolvimento, ou agravamento, das varizes, é o fato do útero expandido aumentar a pressão venosa nos membros inferiores, dessa forma, deixando os vasos mais sujeitos a deformações.

Claro, não dá para deixar de citar o sedentarismo, já que nessa fase a mulher costuma deixar, ou diminuir as atividades físicas, seja por decisão médica ou por opção própria.

Onde é mais comum aparecerem Varizes

Embora em menor escala, as varizes também podem surgir em outras partes do corpo, como a pelve, o abdômen, o tórax e o tubo digestivo.

Geralmente, as varizes são decorrentes de alguma doença que provoca o aumento da pressão venosa, por isso, devem ser investigadas.

Porém, na maioria das vezes, elas costumam aparecer nas pernas, e isso devido ao aumento da pressão dentro dos vasos, causada pela ação da gravidade. Por esse motivo, para prevenir as varizes, é fundamental fortalecer a musculatura da perna, principalmente, na região da panturrilha, garantindo a melhora do funcionamento da circulação dos membros inferiores.

A indicação é fortalecer a musculatura por meio de musculação (leve e orientada) ou da caminhada.

Enfim, para não deixar que problemas com varizes possam atrapalhar esse momento tão especial na vida de toda mulher, a dica é procurar levar uma vida mais saudável, não aumentar muito o peso, se exercitar de forma moderada, regularmente, usar meia de compressão e se alimentar de forma adequada.