6 dicas simples para perder o medo de dirigir

Seu coração acelera só em pensar em pegar num volante? Acredite, você não está sozinho nessa. Nada menos que 8 milhões de brasileiros não dirigem por medo.

como perder o medo de dirigir

Mas nada de desanimar, pois a boa notícia é que sempre tem como tratar e reverter o problema. Por isso mesmo, e por não ser tão incomum assim o problema, preparamos aqui uma lista com 6 dicas simples para lhe ajudar a vencer esse medo de dirigir. Se animou? Então, confira as dicas e se prepare para ganhar autonomia na direção!​​

1. Pratique, pratique e pratique…

Vale ter em mente que, muitas vezes o medo nada mais é que a insegurança por ter consciência de que não está preparado suficiente, mesmo tendo passado por uma autoescola. É preciso se familiarizar com o automóvel e praticar, praticar muito, para finalmente conseguir vencer e dirigir sem medo

Escolha lugares e horários tranquilos, dessa forma, estará mais seguro para praticar, sem movimento de pessoas e carros. Procure se concentrar, ter intimidade com o carro, com os controles internos, adquirindo noção de espaço e tempo de resposta.

2. Mantenha o foco

Primeiramente, esqueça conversas, músicas, qualquer coisa que lhe tire do foco, ou possa tirar. Lembre-se que se o seu pai, tio, amigo costuma conversar, mudar de faixa de música, e até olhar para o carona, com certeza, ele já tem muita experiência ao volante, para isso. Por isso, mantenha o celular desligado e mantenha toda a sua atenção na condução do veículo.

Por outro lado, não crie fantasmas, não imagine o pior. Programe sua mente para ver a condução como uma atividade comum e que só precisa de prática para deixar de ser problema.

3. Escolha uma carona tranquila e experiente

Não veja o treino como brincadeira, nessas horas, nada de escolher aquela amiga engraçada, mas que não entende nada de direção, o ideal é ter a companhia de alguém experiente, de alguém que transmita confiança e calma. Caronas nervosas são servem para passar mais insegurança.

4. Aumente aos poucos o percurso

O medo ainda é grande? Então, vá aos poucos. Comece a praticar por alguns minutos, em poucas quadras. Então, vá prolongando a distância, o tempo do treino e a velocidade, conforme sua segurança for aumentando.

5. Xô pensamentos negativos!

Nada de deixar o medo tomar conta. Não dê asas à sua imaginação, e a pensamentos sabotadores, imaginando situações dramáticas e catastróficas, foque em ideias positivas, no que conseguirá ao aprender e poder dirigir seu carro.

Praticidade, autonomia, conforto, são só algumas das possibilidades.

6. Se nada disso adiantar…considere procurar ajuda

As vezes, o medo de dirigir pode ter explicações no passado, com a vivência de algumas situações, ou mesmo, pode se enquadrar na categoria de fobias. Nesses casos, então, o melhor a fazer é considerar procurar um profissional que saberá como tratar de forma eficaz esse medo. E não se preocupe, pois geralmente, o tratamento costuma ter resultados positivos, tornando possível viver muito bem e dirigir sem medo.